Blog do HP
Especiais Opinião

Brasil em fúria

Mesmo com raízes conflituosas o Brasil obteve sua consistência em permanecer como um grande povo

03/07/2021 09h49
Por: Northom Alvarenga
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Em tempos de raiva e ódio irracional é visto em jovens, adultos e até idosos em oposições francas de ideias movidas e envolvidas da mais pura intenção de ofender, pessoas usando de mil e um adjetivos e apelidos ofensivos clichês, diálogos conflituosos e até mesmo perseguições que estranhamente vem se repetindo e tudo ocorrendo neste país conhecido pelo mundo afora por abrigar um povo de coração cheio e quente, acolhedor e manso de coração. Ao reparar isso vem uma questão: por que o brasileiro está cultivando tanto conflito entre si?

 

Mesmo com raízes conflituosas o Brasil obteve sua consistência em permanecer como um grande povo, um país com um território enorme e que cada estado tem diferenças o suficiente para serem considerados outros países. Com tamanha conquista é de se preocupar como que um país que manteve tanta consistência em ser pacifico e com tantas pessoas bem unidas acabar se tornando um local de brigas por diferenças políticas.

 

Em redes sociais diariamente as pessoas vem se ofendendo, bloqueando e deixando de terem conversas racionais por não desejarem escutar do outro lado e isso causa sérios problemas na estrutura social. Como é possível um povo evoluir e solucionar seus problemas sociais, econômicos, religiosos e estruturais com tantas ofensas e raiva adentrando debates do dia a dia? Aos poucos a perda da compreensão vem e toma conta das pessoas colaborando para a desordem.

 

Esse problema é tão grave que anda corrompendo a política que antes era feita e usada para unir e agora vem sendo palco de um conflito de desunião.

 

O problema que ocorre no Brasil é o mesmo causador de tantos outros conflitos humanos. A falta do diálogo bem intencionado, sem a intenção de escutar todo diálogo se torna monólogo e num mundo sem conversas saudáveis a existência de ordem é impossível.

 

Antes de dialogar lembre-se: se sua intenção é se comunicar bem, talvez largar o orgulho e querer se conectar possa ajudar a fazer do seu dia um dia melhor, do seu país um país melhor e desse caos, um caos menor.

 

@ Northom Alvarenga de Oliveira cursa Licenciatura em Computação no IFTO e participa do Clube de Robótica de Porto Nacional-TO.

4 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias