Blog do HP
Cultura Música da Bahia

Saulo Fernandes - Saulo Jorge Fernandes Navarro de Oliveira (9/9/1977 Barreira, BA)

Muito Axé!!!

21/06/2021 10h37
Por: Helder Peixoto
Foto: HPP
Foto: HPP

BIOGRAFIA:

Cantor. Compositor. Instrumentista.   Estudou na COOPEB (Cooperativa Educacional de Barreiras). Estudou violão e canto. Irmão do músico Sérgio Fernandes, do vocalista da Banda Chica Fé.

DADOS ARTÍSTICOS:

No ano de 1995, residindo no Espírito Santo, na cidade de Vitória, iniciou sua carreira musical cantando em trios elétricos da cidade. No ano seguinte regressou à Bahia e fundou a Banda Chica Fé, com a qual lançou o CD "Querer". Em 2001 integrando a Banda Chica Fé ganhou o prêmio de "Cantor Revelação do Carnaval Baiano". No ano posterior, em 2002, afastou-se da banda Chica Fé para integrar a Banda Eva, substituindo a cantora Emanuelle Araújo. Neste mesmo ano ganhou o prêmio "Cantor Revelação" já como integrante da Banda Eva. Com a qual gravou o CD "É do EVA" e depois o disco "Pra Valer". Em 2003, também como integrante da Banda Eva, voltou a receber o prêmio de "Cantor Revelação do Carnaval Baiano". No ano de 2005 lançou, sempre como integrante da Banda Eva, o "EVA 25 Anos". No ano de 2007 foi contemplado com o prêmio "Melhor Cantor Revelação - Domingão do Faustão - Melhores do Ano 2007" e com a Banda Eva lançou o "Veja alto, ouça colorido". Em 2008 recebeu o "Troféu Band Folia" como "Melhor Cantor" e ainda o prêmio de "Melhor Cantor - Carnaval da Bahia" e ainda participou do disco-infantil "A casa Amarela", projeto da cantora Ivete Sangalo. Em 2009 lançou "Lugar da Alegria" (c/ Banda Eva) e voltou a ganhar o prêmio "Melhor Cantor - Band Folia 2009". Neste mesmo ano participou no CD e DVD "Multishow ao Vivo: Ivete no Maracanã", de Ivete Sangalo, na música "Não Precisa Mudar". Participou do CD e DVD, de Ricardo Chaves, interpretando "Quero voltar'" e do DVD "30 anos do Olodum". No ano de 2010 ganhou o prêmio "Melhor Cantor - Band Folia 2010" e "Melhor Puxador de Bloco - Troféu Dodô e Osmar". Em 2015 lançou seu primeiro CD solo “Baiuno”, produzido por Munir Hossn, com músicas inéditas e autorais como “Erê de dois” (c/ Paulinho Rocha e Munir Hossn), “Floresça” (c/ Gigi), “Mokhtar”, “Perudá” (c/ Ênio Taquari, Alcione Rocha e Ronaldo Cavalcante). Em 2016 participou da Cerimônia de Encerramento das Paralimpíadas 2016, no Estádio do Maracanã (RJ), interpretando “One love”, sucesso do cantor e compositor jamaicano Bob Marley. Em 2017 lançou o CD “O azul e o sol”, em que musicou textos de outros autores e de sua própria autoria como as músicas “Ponte, casa e flor” e “Terra nossa (Axé)”. Em 2019 apresentou-se ao lado da dupla Anavitória no Palco Sunset do festival “Rock in Rio”, no Rio de Janeiro.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias