Blog do HP
Quinta, 13 de Junho de 2024
63 985154180
Geral Pará

Oitenta concluintes de cursos do 'Qualifica Pará' recebem certificados em Tucuruí

O Programa busca identificar vocações e oferecer capacitação para incremento de novos negócios e geração de renda

27/05/2023 00h25
Por: Helder Peixoto Fonte: Secom Pará
Crédito: Rodrigo Pinheiro / Ag.Pará
Crédito: Rodrigo Pinheiro / Ag.Pará

Mais 80 certificados do Programa Qualifica Pará foram entregues pelo governador Helder Barbalho nesta sexta-feira (26), no município de Tucuruí, no sudeste paraense. A certificação marca a conclusão dos cursos de Manutenção de Celular, Habilidade em Salão de Beleza, Instalador Hidráulico e Informática Básica.

“Queria festejar o dia de hoje. Eu e a a nossa vice-governadora (Hana Ghassan) viemos aqui trazer benefícios à cidade, e a partir da parceria com a prefeitura trazer conquistas, como os certificados do 'Qualifica Pará', Programa que buscar identificar as vocações e dar cursos para que as pessoas possam se capacitar e garantir um negócio, garantir a própria renda”, disse o governador durante o ato de entrega.

A coordenação do "Qualifica Pará" está sob a responsabilidade da Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster). A certificação encerrou a primeira etapa do programa, que neste ano será aperfeiçoada.

Maria de Oliveira: certificado traz credibilidade“Esse curso só veio agregar ainda mais, e esse certificado vem trazer mais credibilidade ao nosso trabalho. A experiência foi muito boa; aprendemos coisas novas. Todos os que fizeram estão capacitados para exercer a profissão. Três meses que valeram a pena!”, disse a aluna Maria de Oliveira.

O "Qualifica Pará" conta com 1.452 turmas e 45 cursos, que já atenderam cerca de 29 mil pessoas em todo o Estado. Além de gerar oportunidades de qualificação, a iniciativa oferece alternativas para geração de renda.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias